in

Receita de Marmelada Tradicional

Receita de Marmelada Tradicional
Carla Rocha / Cozinha à la Carte

Esta receita, aqui como a apresentamos é a da marmelada tradicional, aquela que se faz no tacho, mexendo durante muito tempo até ganhar o ponto desejado para que depois de secar, tenha consistência para cortar em fatias.

Na receita que fazemos, não descascamos os marmelos, apenas lhes tiramos o caroço, como tal, o resultado é uma marmelada mais avermelhada.

Quanto às quantidades, apresentamos a base, isto é, a quantidade de açúcar em relação ao peso dos marmelos.

Ingredientes da marmelada

Pré-marmelada

  • Marmelos 
  • Água q.b.

Marmelada

  • 1kg de marmelo, já arranjado e cozido 
  • 800g de açúcar branco
  • Taças/malgas
  • Papel vegetal
  • Álcool

Preparação da marmelada

Pré-marmelada

  1. Deve lavar e passar as taças por água a ferver. Deixe-as secar bem.
  2. Corte papel vegetal, com a forma de cada taça/malga, de modo a depois tapar a marmelada.
  3. A primeira etapa na feitura da marmelada, é o arranjar e cozer dos marmelos. Conforme escrevemos na introdução, não descascamos o fruto, apenas lhe retiramos o caroço, que pode ser usado depois para fazer geleia.
  4. Comece por lavar muito bem os marmelos, um a um.
  5. Arranje-os, retirando-lhes o caroço.
  6. Corte em pedaços pequenos, coloque-os numa panela, cubra com água e leve ao lume a cozer até que estejam bem cozidos. Escorra bem.

Marmelada

  1. Pese os marmelos já cozidos e por cada quilo de marmelo, junte 800 g de açúcar.
  2. Coloque tudo numa panela e passe com a varinha mágica, até obter um puré bem macio.
  3. Leve ao lume, médio baixo.
  4. É necessário, ir mexendo regularmente, para que não queime o fundo.
  5. Quando começar a ferver, no nosso caso, foi após 20 minutos ao lume, conte cerca de uma hora. Foi o tempo que nos levou a ganhar ponto um tacho com 9 kg de marmelada (5 kg de polpa de marmelo cozida + 4 kg de açúcar).
  6. Este tempo vai ser relativo e depende de quantidade de marmelada na panela.
  7. Irá notar que no início a marmelada é mole e bem clara, mas à medida que vai ganhando ponto, vai escurecendo, ficando mais firme e cada vez mais, é difícil de mexer.
  8. Quando estiver no ponto, desligue o lume e passe à fase de acondicionamento da marmelada.

Nota:

A marmelada depois de começar a ferver, tende a saltar muito, o que pode provocar algum acidente, como queimaduras. Por este motivo, sugerimos que se equipe a rigor, com ‘equipamento de proteção individual’, isto é, que use manga comprida e por cima, luvas de cozinha, evitando deste modo queimar os braços. Posso dizer que no ano passado a marmelada saltou-me para a testa e fiquei uma queimadura bem feia (este ano usei chapéu)!

Acondicionamento da marmelada

  1. Encha cada taça, com marmelada, agitando/rodando a taça para um lado e outro, com força, de modo a tentar alisar a superfície, sem mexer na marmelada.
  2. Deixe-a secar um pouco, para que ganhe capa na superfície.
  3. Para tapar a marmelada, passe álcool num dos lados do papel vegetal e coloque esse lado em contacto com a marmelada.
  4. Coloque as taças numa janela que apanhe sol e deixe a marmelada secar.
  5. Estando no ponto, a marmelada dura imenso tempo sem se estragar, até um ano, se não a comer antes!

Nota: para ver todo o processo de confeção, visite o nosso Instagram e assista aos vídeos no destaque que fizemos para a receita.

Classificação da receita

Classificação média 5 / 5. Votos: 2

Seja a primeira pessoa a votar nesta receita

Sugerida por Carla Rocha

Olá, sou a Carla e é na Cozinha à la Carte que partilho a minha paixão pelo mundo da culinária.

Sou de Olhão, mas desde 2001 que vivo no norte do país, mais precisamente na Maia. Sou mãe de uma ‘teenager’, a Joana e de duas yorkies, a Bimba e a Lola.

Comecei a cozinhar ainda jovem, em casa dos meus pais, quando fazia petiscos para todos, mas foi depois de casar e de estar longe da família, que a paixão se aguçou. Gosto de cozinhar tudo, sem distinção entre doces ou salgados.

Na Cozinha à la Carte encontram receitas tradicionais portugueses e não só, uma vez que sou uma curiosa na área, em constante procura por sabores e experiências gastronómicas novas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ingredientes do gratinado de grão com cogumelos e tomate cherry

Receita de Gratinado de grão com cogumelos e tomate cherry irresistível

Receita de Smoothie de Mirtilos e Framboesas fresquinho

Receita de Smoothie de Mirtilos e Framboesas fresquinho